A biologia dos hormônios e o processo de compras

Os #hormônios são substâncias químicas produzidas pelo nosso corpo para regular três funções críticas: manter um estado de equilíbrio (homeostase), controlar nossos órgãos reprodutivos e mediar nossas respostas ao #estresse. As hormonas são produzidas por glândulas endócrinas localizadas em várias partes do corpo, nomeadamente o cérebro, o estômago, os intestinos e os rins.

 

Os hormônios afetam os receptores celulares que estão na superfície ou dentro dos núcleos de uma célula. Eles excitam ou inibem a atividade das células; portanto, podem modificar profundamente nossos comportamentos conscientes e não-conscientes.

 

Como os hormônios usam o sistema de circulação sanguínea, eles são bastante lentos para agir em comparação com os neurotransmissores, por exemplo. No entanto, o alcance dos hormônios é mais global. De fato, alguns hormônios vão além do próprio corpo como os feromônios, que agem para influenciar outra pessoa ou animal. Os feromônios são processados ​​pelo nosso sistema olfativo e são conhecidos por influenciar fortemente nosso comportamento sexual.

 

As compras resolvem um problema instintivo do ser humano: a sobrevivência. Algumas delas são úteis e até mesmo essenciais para que possamos viver bem. Já outras, são baseadas no reforço de uma vertente extrema do instinto de sobrevivência que é a perpetuação da espécie humana, a reprodução humana. Neste caso, nos tornamos inconscientemente competitivos e fazemos decisões de compra baseadas em parecer mais que os outros, em sermos notados, e acabamos comprando sem necessidade porque agimos por impulso.

 

Quando efetivamente compramos, nosso corpo libera uma dose extra de dopamina, um dos hormônios responsáveis pelo prazer. No organismo, esse momento químico é extremamente prazeroso e funciona como um reforço positivo, oferecido pelo cérebro

 

O que faz desse processo biológico um risco à saúde é que algumas marcas super-estimulam esse ciclo químico natural e o tornam cada vez mais rápido e frenético, o que faz com que as pessoas passem a agir com menos propósito (por que estou comprando?) e mais por impulso.

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *